terça-feira, 26 de abril de 2011

TOURO continuaçao II


Tranquilo possuidor do trono dos atenienses, reuniu em uma cidade os habitantes da Ática, ate então dispersos em diferentes povoações, instituiu um governo, promulgou leis, e deixando o povo governado pela própria legislação, retomou o curso das suas aventuras e das suas empresas. Esteve na Guerra dos Centauros, na conquista do Tosão de Ouro (velo de ouro), na caça de Cálidon, e segundo alguns, nas duas Guerras de Tebas.



Foi também à Trácia em busca das amazonas, e como Hércules, teve a glória de combatê-las e vencê-las. Casou-se com a sua rainha Hipólita ou Antíope, feita prisioneira, de quem teve um filho, o infeliz Hipólito.


Conta-se que, já aos 50 anos, teve o desejo de raptar a bela Helena então apenas saída da infância. Mas os tindáridas, seus irmãos, reconquistaram-na, e a seu turno raptaram a mãe de Teseu, Etra, que fizeram escrava de Helena.


Tendo enfim combinado Pirítoo, com seu amigo, raptar a mulher de Aidoneu, rei de Épiro, ou, segundo a fábula, Prosperpina, mulher de Plutão, foi feito prisioneiro até que Hércules o foi libertar: chama-se a isso a descida de Teseu aos infernos.

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial